segunda-feira, 1 de outubro de 2012

Vilhena no programa Jovens Embaixadores


Espírito de liderança, comprometimento, responsabilidade, inteligência são alguns dos adjetivos que estão na boca de quem fala sobre o estudante de 17 anos, Fábio Ricardo Araújo da Silva, da escola Maria Arlete Toledo de Vilhena. “Foi justamente por causa dessas características que o inscrevemos no Programa Jovens Embaixadores”, explica a professora de Língua Inglesa, Rosiane Martins Costa.

O Programa Jovens Embaixadores é uma iniciativa da Embaixada dos Estados Unidos e conta com apoio do Ministério da Educação e da rede de centros binacionais Brasil-Estados Unidos. A intenção é beneficiar estudantes com uma viagem de três semanas aos Estados Unidos para intercâmbio educacional e cultural. Um sonho para muitos brasileirinhos que não dispõem de recursos financeiros para isso, como Fábio, que está feliz por representar Rondônia na seletiva final. “Eu só viajei de Belo Horizonte para cá, e também para Seringueiras, aqui no interior de Rondônia, onde moram meus avós. Fora do Brasil, nunca. Um dos meus desejos é conhecer Nova York. Se eu conseguir agora, vai ser muito legal, porque eu não esperava”, conta entusiasmado.

A seleção em Rondônia contou com a inscrição de 143 jovens e foi organizada pela Secretaria de Estado da Educação. Fábio conseguiu se classificar e entra na fase nacional para concorrer a uma das 35 vagas. Para representar o Estado, o estudante teve que provar o que sabe em avaliações escrita e oral e também nas atividades que já desenvolve na própria escola, como voluntário no Laboratório de Informática Educacional. O estudante só tem boas notas em sala de aula é e autodidata da Língua Inglesa, quesito fundamental na seleção do Programa. Talento que lhe rendeu uma bolsa de estudos de inglês na rede de idiomas Fisk de Vilhena. Sorte? Não, não. Reconhecimento da força de vontade e inteligência do rapaz, que pretende seguir carreira na área da Tecnologia da Informação.

A próxima avaliação envolve uma detalhada revisão de documentos e perfil do candidato por parte do Comitê de Seleção do Programa. Boa sorte, Fábio!

Os pais, dona Irene e seu Tarcísio, orgulhosos

Sobre o Programa Jovens Embaixadores - Criado em 2002, o programa já beneficiou 294 jovens brasileiros. Atualmente, ele ocorre em 25 países. O principal objetivo do programa é valorizar e promover o fortalecimento da educação pública por meio desses jovens, transformando-os em modelos para seus colegas e a comunidade.

Fontes: Portal do Programa Jovens Embaixadores
Anandréia Trovó – Coordenadora Pedagógica do Ensino Médio/SEDUC/Vilhena
Inês Fernandes da Silva – Coordenadora Pedagógica EEEFM Maria Arlete Toledo

AO SOM DE: Tudo está parado (Jota Quest)